News

14/09/2010 - Dilma amplia vantagem e está 24 pontos à frente de Serra

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, amplia vantagem em relação ao tucano José Serra, segundo pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta terça-feira (14). Dilma aparece com 50,5% das intenções de voto, contra 26,4% do tucano. Marina Silva (PV) tem 8,9% da preferência do eleitorado. A pesquisa tem margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos. No último levantamento do mesmo instituto, a petista tinha 46% e Serra, 28%.

O resultado aponta para uma vitória da petista no primeiro turno, já que ela teria 57,8% dos votos válidos (excluindo brancos e nulos), contra 30,2% de Serra. Os votos brancos e nulos chegam a 3,5% e indecisos chegam a 9,1%.

Os demais candidatos tiveram menos de 1% das intenções de voto. Zé Maria (PSTU) e Plínio de Arruda Sampaio (PSOL) aparecem com 0,6% da preferência dos eleitores. Eymael (PSDC) tem 0,2% e Rui Costa Pimenta, 0,1%. Ivan Pinheiro (PCB) e Levy Fidelix (PRTB) não pontuaram.

Na sondagem espontânea, quando os nomes dos candidatos não são apresentados aos entrevistados, Dilma aparece com 44,3%, contra 23% de Serra e 7,1% de Marina.

Dilma também venceria Serra em uma simulação de segundo turno, de acordo com a pesquisa. Neste cenário, a petista tem 55,5% da preferência do eleitorado, contra 32,9% do tucano. Brancos e nulos chegam a 5,9%.

Segundo a pesquisa CNT/Sensus, para 71,8% dos entrevistados, independentemente do candidato em quem vão votar, Dilma vai ganhar a eleição. Para 16,1%, o vencedor será Serra. Já 9,1% dos entrevistados não sabem ou não quiseram responder.

Ricardo Guedes, diretor do Instituto Sensus, diz que "três fatores importantes fazem com que a eleição esteja tecnicamente decidida".

- São eles a alta porcentagem que Dilma tem dos votos válidos, a alta rejeição de José Serra e o sucesso do programa eleitoral de Dilma, aprovado por 60,3% dos entrevistados.

Marina Silva apresenta a maior rejeição, com 45%. Ela é seguida de José Serra, com 41,3%, e Dilma, com 29,4%.

Na última sondagem, divulgada pelo Datafolha na sexta-feira (10), Dilma apareceu 23 pontos à frente de Serra, ela tinha 50% o tucano, 27%. Marina tinha 11%. Com o resultado e excluindo os votos válidos, a petista venceria no primeiro turno.

A pesquisa mais recente da CNT/Sensus foi feita em 24 de agosto. Os números também já apontavam para uma vitória de Dilma no primeiro turno, com vantagem de 18 pontos.

A sondagem divulgada hoje foi feita a pedido da CNT (Confederação Nacional do Transportes). Do dia 10 ao dia 12 de setembro foram ouvidos 2.000 eleitores em 136 municípios de 24 Estados. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) no dia 8 de setembro com o número 29517/2010.


Fonte: TERRA



Facebook Twitter LinkedIn Google+ WhatsApp Gmail Email Print



voltar



ATENDIMENTO

Estamos prontos para atender

Tenha a melhor solução para o seu negócio

WhatsApp: (21)99973-5783

CHAT

Fale conosco