News

20/07/2017 - Como usar gatilhos mentais na prática!


O nosso cérebro toma muitas decisões antes mesmos de pensarmos sobre elas. Usar os gatilhos mentais pode ajudar outras pessoas a tomarem a decisão que você deseja no inconsciente.

Você sabia que nosso cérebro toma decisões antes que percebamos? Isso acontece porque o nosso inconsciente processa a maioria das informações que chegam ao nosso cérebro.

É somente após a comunicação dessa área do com o consciente que você age de acordo com a decisão tomada sem que perceba.

E existem algumas técnicas que atuam justamente nessa área do cérebro, e funcionam na tomada de decisões do inconsciente das pessoas. Os chamados gatilhos mentais.

Não importa onde você empregue essa técnica, esses gatilhos mentais ajudam para que a pessoa tome a decisão influenciada por você. O mais curioso é que a pessoa não percebe que está sendo levada pelo inconsciente.


Mais comentada


1em100
Como criar um canal no Youtube
Como usar gatilhos mentais na prática!
O nosso cérebro toma muitas decisões antes mesmos de pensarmos sobre elas. Usar os gatilhos mentais pode ajudar outras pessoas a tomarem a decisão que você deseja no inconsciente.

Seguir + Ricardo Ventura, 14 de julho de 2016
Problema no artigo?
iStock


Você sabia que nosso cérebro toma decisões antes que percebamos? Isso acontece porque o nosso inconsciente processa a maioria das informações que chegam ao nosso cérebro.

É somente após a comunicação dessa área do com o consciente que você age de acordo com a decisão tomada sem que perceba.

E existem algumas técnicas que atuam justamente nessa área do cérebro, e funcionam na tomada de decisões do inconsciente das pessoas. Os chamados gatilhos mentais.

Não importa onde você empregue essa técnica, esses gatilhos mentais ajudam para que a pessoa tome a decisão influenciada por você. O mais curioso é que a pessoa não percebe que está sendo levada pelo inconsciente.








Ads by
Um gatilho mental que você com certeza já viu, mas nem se deu conta de que ele era usado para te influenciar inconscientemente, é o apelo à autoridade. Isso acontece porque tendemos a obedecer pessoas que se posicionem como autoridade no assunto.

Quando eu vou falar sobre Programação Neurolinguística, por exemplo, sou tratado como autoridade, por ser o primeiro brasileiro a escrever um livro sobre o assunto. Isso garante que as pessoas acreditem no que tenho a dizer e tendem a levar minha opinião mais a sério.

Além da autoridade, as pessoas também gostam quando outras pessoas já provaram e comprovaram algo. Essa prova social é o que garante o sucesso de propagandas com frases como a filmadora mais vendida no Brasil.

Quando se apela pra reciprocidade, você está usando um gatilho mental muito comum e corriqueiro. Ele garante que as pessoas tendam a retribuir quando sentem que ganharam algo de alguém, como um presente que é retribuído, por exemplo. É diferente do gatilho de culpa, que é quando somos influenciados a fazer algo para compensar uma má escolha nossa, como tomar uma Coca Zero durante um rodízio de carnes.

Tudo que é escasso ou raro é mais caro e de mais valor. Apelar para a escassez, ou exclusividade do seu produto ou serviço atribui valor para o mesmo e ajuda na escolha das pessoas.

Além de ser uma autoridade, você deve ter especificidade para atingir o inconsciente das pessoas. Muitos palestrantes pecam por quererem falar sobre tudo, por exemplo. Sempre digo para focarem suas apresentações em um assunto específico. Outro gatilho mental que anda lado a lado com esse é tratar do inimigo comum, ou seja, combater aquilo que é o vilão conhecido das pessoas, como vendas baixas, problemas de saúde, etc.

A curiosidade deve ser sempre usada para se conquistar mais adeptos, cliques ou vendas. Esconda um pouco o que está querendo passar, por exemplo, Vou contar o segredo para essas vendas ao final do vídeo.

Esse gatilho também pode ser combinado com o apelo ao pertencimento. As pessoas gostam de sentirem-se parte de um grupo. Pode ser usado assim: Se você trabalha com vendas, precisa ver isso!.

O último gatilho mental é um clássico! Vamos ser sinceros: somos preguiçosos. O apelo à preguiça e a saídas fáceis sempre conquista muita gente. É só dizer Conquiste mais clientes em poucos passos, perca peso sem sofrer, que os resultados aparecerão.

Esses gatilhos mentais podem e devem ser usados de várias maneiras. Aplique-os no seu dia a dia, nas palestras, nas vendas, e até mesmo nas cantadas. Sempre funciona!


Fonte: http://www.administradores.com.br//artigos/marketing/como-usar-gatilhos-mentais-na-pratica/96654/



Facebook Twitter LinkedIn Google+ WhatsApp Gmail Email Print



voltar



ATENDIMENTO

Estamos prontos para atender

Tenha a melhor solução para o seu negócio

WhatsApp: (21)99973-5783

CHAT

Fale conosco